Notícias

Programa Nossa Família Guarapuava: Planejamento Familiar é um dos pioneiros no Paraná e no Brasil

30/11/2023

O projeto já atendeu a mais de duas mil mulheres em vulnerabilidade.

 

O Programa Nossa Família Guarapuava, promovido pela pela prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, é um dos pioneiros no Paraná e no Brasil que disponibiliza para mulheres que vivem em vulnerabilidade social os chamados LARCs, sigla para long-activating reversible contraceptives, na tradução: métodos reversíveis de longa duração.

 

Implantado há quatro anos em Guarapuava, o programa de planejamento familiar já atendeu a mais de duas mil mulheres em situação de vulnerabilidade social, com indicação clínica e que se enquadravamn nos critérios de inclusão. Os métodos contraceptivos oferecidos são: implante (Implanom NXT), dois tipos de  Dispositivos Intrauterinos, mais conhecidos como DIU Hormonal (Mirena e Kyleena) e o DIU de Cobre não hormonal.

 

“Os métodos contraceptivos oferecidos são bastante seguros, modernos e indolores, proporcionando comodidade e segurança para as mulheres”, comentou a Diretora do Departamento de Atenção à Saúde da Mulher e da Criança, Sueli Ribeiro.

 

Vitória Eduarda Doroch da Silva, 21, é uma das mulheres da cidade que foi atendida pelo programa. Ela teve filhos quando muito jovem e todos nasceram prematuros. Eduarda não se adaptou ao anticoncepcional injetável e o DIU era uma opção por questões médicas. Então, o implante, fornecido pelo Programa Nossa Família, foi a solução.

 

“A maternidade não é fácil. As pessoas romantizam, mas não é fácil. Espero usar o implante e, quando vencer, poder pôr de volta. Agora quero criar meus três filhos e dar um rumo para a minha vida. Um rumo bom, para poder sustentar eles direito, para eles poderem ter uma faculdade”, comentou Vitória.

 

Todos os usuários do Programa Nossa Família Guarapuava, têm direito a consultas médicas com clínico/ginecologista, bem como aos exames necessários indicados pelos profissionais, além de retorno para avaliação, conforme rotina do Programa.

 

Todos os usuários do Programa Nossa Família Guarapuava, têm direito a consultas com clínico/ginecologista e exames que forem necessários conforme indicação ou solicitação. As atendidas também podem realizar consultas de retorno conforme rotina do Programa.

 

Recebem indicação prioritária para o uso de LARCs:

  • Mulheres com vulnerabilidade social aumentado (adolescentes, presidiárias, aquelas com possibilidades de parir mais que um filho de uma vez, em situação de rua, dependentes químicas, soropositivas);
  • Adolescentes, após abortamento espontâneo de gestação não planejada;
  • Adolescentes, após gestação na adolescência, para evitar a reincidência de gravidez não planejada;
  • Mulheres com risco gestacional elevado (hipertensas, diabéticas, tabagistas pesada) (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Idade materna avançada;
  • Mulheres com múltiplos fatores de risco (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Mulheres com doença cardiovascular (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Mulheres com tromboembolismo venoso (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Puérperas;
  • DIP (Doença Inflamatória Pélvica) (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Cefaléias (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Obesidade (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Mulheres diabéticas que não podem fazer uso de outros métodos;
  • Pós-Bariátrica (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Epiléptica, (Conforme Critérios de Elegibilidade);
  • Mulheres que apresentem sangramento uterino disfuncional sem melhora com outros tratamentos;
  • Mulheres com déficit cognitivo;
  • Pacientes soropositivas ou com parceiro soropositivo e/ou usuários de Profilaxia Pré-exposição;
  • Mulheres com distúrbio endócrino com diagnóstico de SUA (Sangramento Uterino Anormal);
  • Mulheres na perimenopausa com fatores de risco e necessidade de contracepção e de tratamento para sangramentos menstruais intensos;
  • Mulheres com indicações clínicas conforme avaliação dos ginecologistas.