Notícias

Quarta edição do Festival Canta Guarapuava reuniu talentosos músicos locais no distrito de Entre Rios

25/03/2024

Esta foi a penúltima etapa classificatória para a final do festival, que será realizada no fim de maio e contará com uma atração nacional.

 

Após três edições de muito sucesso, o Festival Canta Guarapuava chegou ao último distrito de sua lista. Na tarde deste domingo (24), os cantores do distrito de Entre Rios e região se apresentaram no palco da Fundação Cultural Mathias Leh, marcando a penúltima etapa classificatória para a grande final. 

 

O festival, promovido pela Prefeitura de Guarapuava, por meio da Secretaria de Cultura (Secult), faz parte do esforço municipal em descentralizar as atividades culturais. Desde sua primeira edição, tem sido uma vitrine do cenário artístico local, ressaltando os talentos variados e a diversidade musical

 

Rita Felchak, secretária de Cultura de Guarapuava, salientou esta característica. 

 

“A descentralização das atividades culturais foi um pedido do prefeito Celso Góes quando a Secretaria de Cultura foi criada. É uma alegria estar proporcionando isso. A cultura e a arte estão em todos os lugares”, disse.

 

Felchak também comentou sobre o fato de Guarapuava voltar a ter um festival de música nesses moldes após muitos anos. 

 

“Todos estão animados, é maravilhoso ter um festival de música novamente. Sentíamos muita falta disso. Dizem que cantar afasta os males, tanto para quem canta quanto para quem ouve, trazendo benefícios para a saúde mental. A cultura, em geral, faz bem a todos. Estamos atualmente nas eliminatórias, visitando vários locais para selecionar os melhores cantores, cantoras e grupos, nos preparando para a grande final”, assinalou. 

 

A última etapa classificatória está agendada para o dia 28 de abril, no Teatro Municipal, onde os finalistas serão definidos para a edição final do Canta Guarapuava, programada para o dia 26 de maio, no Centro de Eventos Cidade dos Lagos.

 

A tarefa de escolher os melhores da edição de Entre Rios recaiu sobre uma mesa de jurados diversa, incluindo artistas locais e da região. Entre eles, estavam as duplas Sidney & Tatiane e Roberto & Rosivaldo, e os cantores solos Adir Zanovello e Maria Paixão.

 

Foram dezenas de apresentações, com interpretações de clássicos da música sertaneja, gaúcha e popular. Além dos competidores, os presentes puderam acompanhar as performances dos próprios jurados e de convidados. Sidney e Tatiane, vencedores da etapa do festival no Jordão, abriram o evento com a música “Que pena”, de João Paulo e Daniel. Maria Paixão, por sua vez, soltou a voz em uma interpretação de “The best”, da rainha do Rock ‘n’ Roll Tina Turner. 

 

Um dos talentos locais do distrito, Ruan Gabriel dos Santos, de apenas 14 anos, competiu na categoria Kids. O menino começou a cantar entre os amigos e parentes, que logo perceberam a sua vocação. 

 

“Desde pequeno sempre gostei de música. Só que aí, em um churrasco, eu comecei a cantar e falaram que eu cantava bem. Aí, comecei a gravar vídeo, e só no último ano eu comecei a postar os vídeos. E, agora eu estou aqui”, contou.

 

Ruan se apresentou com a música “Marca evidente”, da dupla Israel & Rodolffo. 

 

“No começo deu um medinho, mas cheguei lá, fui me soltando e consegui cantar tranquilamente”, afirmou.

 

Mais experientes que Ruan, a dupla local Haroldo e Marcelo foi uma das participantes, com a música “Paixão proibida”, de Teodoro e Sampaio. Ambos expressaram o seu amor pela música. 

 

“Sempre nos sentimos à vontade nos festivais, especialmente na música sertaneja, que tanto amamos. Agradecemos à Secretaria de Cultura e ao prefeito Celso Góes por apoiarem iniciativas como esta. As autoridades na linha de frente têm que promover festivais para incentivar, principalmente, nossos jovens, que estão ingressando agora na música”, sublinhou Haroldo. 

 

“Quando a gente sobe em um palco, não é como cantar em casa casa. Dá um gelinho lá no ‘carcanhar’ da gente. Só que a gente segura a onda e vai. E a música, eu acho, enquanto estiver vivo, ela vai me acompanhar. Não tem tempo para parar, não”, comentou Marcelo.

 

Os 12 melhor colocados da edição de Entre Rios garantiram uma vaga na final do festival.  Confira os resultados.

  

Categoria Música Sertaneja

 

1° Lugar: Zé Paulo e Elias

2° Lugar: Luana Silva

3° Lugar: Franciele de Ramos

4° Lugar: Everaldo e Franciele

5° Lugar: Os Garotos de Entre Rios

 

Categoria Música Gaúcha:

 

1° Lugar: Luiz Arthur Santos

2° Lugar: Valdenir Francisco

 

Categoria Música Popular:

 

1° Lugar: Liz Maia

2° Lugar: Banda Sweet Kerozene

3° Lugar: Banda Necrolest

 

Kids:

 

1º Lugar: Maely de Lima

2º Lugar: Nicoly Cardoso

3º Ruan Gabriel dos Santos

 

Para conferir mais fotos do evento, clique AQUI